Governo de Mato Grosso

Notícia

14/11/2019 - Rose Velasco |SES-MT

Práticas Integrativas foram incluídas na Carta Mato Grosso para Promoção da Saúde

 <br /><strong style='font-size:10px;'>(foto: Ascom | SES-MT)</strong>


(foto: Ascom | SES-MT)

As Práticas Integrativas Complementares em Saúde foram incluídas na Carta Mato Grosso, durante o 1º Fórum Mato-grossense de Promoção da Saúde, realizado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) em Cuiabá, para o fortalecimento dessa política no Estado.

As chamadas PICS são tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais e complementares da medicina, utilizando de recursos terapêuticos que buscam estimular os mecanismos naturais de prevenção às doenças e recuperação da saúde. Atualmente, um total de 29 práticas são reconhecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Durante o Fórum, foram realizadas atividades paralelas, com roda de conversa voltada para a atenção hospitalar, debates sobre o desenvolvimento das PICS nesse ambiente e a viabilização dessas práticas.

De acordo com a coordenadora do setor de Promoção e Humanização da Saúde da SES, Rosiene Pires, houve um local reservado – intitulado “Espaço Paulo Freire” – para o desenvolvimento das ações para os gestores, colaboradores, usuários, acadêmicos e comunidade em geral. Neste ambiente, foi possível vivenciar o cuidado em saúde por meio das Práticas Integrativas. 

No “Espaço Paulo Freire”, as atividades foram divididas em dois momentos. A Sala de Atendimentos teve o propósito de ser um lugar de aconchego e construção de ações de cuidado, onde foram ofertadas 9 PIC’s: Auriculoterapia, Reflexologia Podal, Quick Massage, Shiatsu com Caneta Cromo, Ventosaterapia, Reiki, Aparelhos ILIB, Pczapper, Hidrovitalisforam e orientações sobre uso de plantas medicinais desempenhadas em valiosa parceria com instituições e faculdades que ofereceram apoio com materiais e com a participação efetiva dos alunos.

Os participantes também receberam conhecimentos sobre Yoga, Constelação Familiar e Dança Circular. O médico Marcos de Barros Freire Júnior, Gerente do Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde de Planaltina (DF), relatou a sua experiência e trouxe importantes contribuições à Carta Mato Grosso para a Promoção da Saúde.

Na SES, as Práticas Integrativas estão sob a responsabilidade da Coordenadoria de Promoção e Humanização da Saúde para a execução dessa Política no Estado e nos Municípios, como uma das temáticas e ações centrais do Programa Academia da Saúde, que fortalece as Práticas Corporais e a atividade física. 

Segundo a responsável técnica pela Academia da Saúde, a fisioterapeuta Andressa Pinho, esse programa do Governo Federal é uma estratégia que fortalece as ações de promoção da saúde e possibilita o cuidado integral em articulação com outros programas como as PIC’s.

Durante a programação do 1º Fórum, houve um expressivo número de serviços, com aproximadamente 213 atendimentos e 130 participantes nas Rodas de Conversa, destaca a fisioterapeuta Else Fonseca, responsável técnica pelas Práticas Integrativas Complementares em Saúde da SES.

Mais Notícias

Ler mais notícias